Autor | ABAP Warrior

Autor

Apresentação


Olá, meu nome é Fernando Botelho.

Moro em Santo André, no ABC paulista. Sou casado desde 2007 e tenho três filhos, sendo que dois são gêmeos (uma experiência incrível, rsrsrs)... 

Sou um profissional da área de tecnologia desde 2001. Comecei como programador em Visual Basic 6. Também já fui Helpdesk e atuei com suporte em primeiro nível a hardware e redes. Atualmente atuo como consultor SAP no módulo MM e como consultor ABAP. Tenho também conhecimentos nos módulos de WM e SD.

Como cheguei ao mundo SAP


Entrei para esta área quando a empresa em que trabalho decidiu implementar SAP. A primeira fase da implementação aconteceu no final de 2008 com o módulo de FI. A segunda fase aconteceu no início de 2009 com os módulos de MM e SD e foi nesta fase que entrei de cabeça neste mundo. 

Inicialmente, foi definido que seria usada a estratégia de continuar com a interface gráfica de nossos antigos sistemas desenvolvidos internamente, e que o SAP estaria rodando por trás recebendo todas as informações, armazenando e garantindo o back office da empresa. 

Para colocar a estratégia em prática tivemos que desenvolver muitas integrações (acredite, muitas mesmo) entre os dois sistemas. Durante o período de desenvolvimento das integrações, eu mal sabia, mas já estava absorvendo muitas informações de SAP. E para fazer testes iniciais e primários foi bem mais fácil quando aprendi a depurar os programas desenvolvidos em ABAP. Não conhecia a linguagem ABAP, mas sempre fui programador. A lógica não muda, o que muda são os comandos, e foi aí que comecei a aprender ABAP.

Já com os módulos não foi muito diferente. De tanto testar, e de tantos dados indo e voltando pelas integrações fui conhecendo como o SAP funcionava. Dados mestres em geral, ordens de vendas, remessas, faturas, requisições e pedidos de compra, MIGO e MIRO, notas fiscais, impostos, estoques, MRP, foram alguns dos temas que aprendi por osmose. Isso se deve também ao fato de que fiquei dando suporte a grande parte das operações.

Em 2011 a empresa decidiu começar a retirar o sistema desenvolvido internamento e operar somente com o SAP. Em apenas dois anos eu já havia absorvido tanta informação que me tornei um dos consultores MM do projeto. Mesmo eu não tendo academia, e menos ainda certificação, a empresa me deu total apoio e confiança, algo que foi essencial para me ajudar a crescer.

Ainda hoje posso dizer que estou em um aprendizado contínuo. O SAP possui uma infinidade de cenários e configurações, o que possibilita sempre existir algo novo pra se aprender. O fato da empresa ser do ramo de varejo também ajuda muito. O varejo é muito dinâmico e exige que as áreas de negócio estejam sempre se reinventando, e consequentemente a TI precisa se reinventar junto.


Obrigado por ler sobre um pouco de mim...
Grande abraço!!!

Visualizar perfil de Fernando Botelho no LinkedIn
2016-02-15T15:09:00-02:00 2016-02-15T17:09:17Z